Mama em homem

Ginecomastia – Mama em homem?

Ginecomastia é o crescimento exagerado das glândulas mamárias em homens. Pode ter origem hereditária, por alterações hormonais ou ainda com o uso descontrolado de substâncias anabolizantes. A doença acomete até 40% dos adolescentes e, na maioria dos casos, a regressão do quadro ocorre de forma espontânea até atingirem a fase adulta.
O que mais preocupa a classe médica é o aumento dos casos de ginecomastia entre frequentadores assíduos das academias, devido ao uso de anabolizante e substâncias de aumento de performance. Neste caso, o procedimento cirúrgico acaba sendo o único tratamento – além da suspensão imediata do uso de anabolizantes – já que o tratamento clínico com substâncias como o tamoxifeno não costuma funcionar e traz o risco de sérios efeitos colaterais.

Uso de Anabolizantes:

O problema maior é entre os jovens, que seguem dicas de amigos da academia, ou mesmo da internet, visando o ganho rápido de massa muscular utilizam hormônios. Por mais que o surgimento de seios crie um constrangimento e abale a autoestima do usuário, há efeitos colaterais ainda piores que a ginecomastia, como um risco aumentado para doenças do coração, do fígado, impotência, agravamento da acne, calvície e outros.

Tipos de Ginecomastia:

A ginecomastia pode ser classificada em três tipos: gordurosa (quando há acúmulo de gordura na região peitoral, normalmente associada à obesidade), glandular (quando há aumento da glândula mamária masculina) e mista.

Tratamento Cirúrgico

Com relação à de origem gordurosa, ela pode ser tratada com uma lipoaspiração. Na glandular, fazemos uma pequena incisão em forma de meia-lua em torno da aréola e retiramos o tecido excedente. Já em casos mistos, que são os mais comuns, associamos os dois procedimentos.
A cirurgia de ginecomastia é simples e realizada com anestesia local e sedação. Ela dura cerca de uma hora, embora seja necessário seguir determinados cuidados pós-operatórios por quinze dias, além do uso de uma malha elástica e sessões de drenagem linfática – como nas cirurgias de aumento ou diminuição das mamas e nas lipoaspirações.

Deixe um Comentário

DR. VINICIUS SPIANDORELLO

Cirurgião Plástico - Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica CRM/SC 19275 - CRM/PR 24839 RQE 10954

Posts Relacionados

captura-de-tela-2016-02-24-as-17-37-29

É possível realizar mamoplastia com cicatrizes mínimas?

A cirurgia da mama (conhecida como mamoplastia ou lifting mamário) é um dos procedimentos mais realizados pela cirurgia plástica. Uma ...

Ver mais
Seios firmes e bonitos

Mamoplastia com Prótese Periareolar

A cirurgia da mama (mamoplastia) é, sem sombra de dúvida, uma das mais realizada pelos cirurgiões plásticos, sendo que poucas ...

Ver mais
Um Seio maior que o outro

Cirurgia Plástica Segura

Ter uma aparência renovada é uma forma de devolver confiança a algumas pessoas mas quando há motivações psicológicas subjacentes o ...

Ver mais